Estratégia de Marketing 4 – Segmentação


Temos de encontrar aqueles que queremos que se tornem nossos clientes!
Por isso devemos perceber quais são e planear a utilização dos recursos que dispomos ou que conseguimos contratar.
Devemos segmentar os mercados usando metodologias e abordagens diferentes no processo de segmentação.
Exemplos: Alem das tradicionais segmentações, geográfica, etária, rendimentos, dimensão do cliente,  frequência na compra, deverá pensar noutras associadas à sua atividade, considerando os nichos de mercado, promoções, circuitos de distribuição, qualidade e fiabilidade dos produtos e serviços e satisfação das necessidades dos clientes.

Armando Fernandes
Business Coach

Anúncios

Estratégia de Marketing 3 – Especialização e e preço real


Uma empresa deve-se concentrar na produção e comercialização de produtos e serviços através da especialização e qualidade para que assim se possa aproximar facilmente dos seus clientes e respectivas necessidades.
Quando a empresa precisa de alargar a sua gama de produtos à venda deverá criar uma rede de parcerias a longo prazo pois pode evitar investimentos desnecessários e aumentar o rendimento de ambas em função de uma aumento em escala das vendas.
Será assim mais fácil estabelecer o preço real do produto que será constituído pelo preço de custo acrescido dos custos de distribuição e comercialização.
O estabelecimento de relações de confiança com a cadeia de distribuição e com o cliente final são fundamentais porque possibilitam  o desenho do produto ou serviço em função das necessidade destes, e o preço real é um preço natural e justo.

Armando Fernandes
Business Coach

Que tipo de empresários podem beneficiar do apoio de um Business Coach?


Que tipo de clientes procuro!

“Os empresários são como os atletas, para atingirem metas também precisam de treino” Armando Fernandes
  
Procuro empresários que queiram se transformar em verdadeiros empreendedores!
            Pessoas que criaram os seus negócios, em função de excelentes capacidades técnicas no sector da sua actividade, criaram uma empresa e sentem necessidade de
fazer mais e diferente pois estão a desviar-se da motivação que os levou a criar a empresas.
  
Procuro empresários que sentem dificuldades na gestão do seu negócio!
Dificuldades em recrutar as pessoas certas, em colocar a equipa a produzir mais ou arranjar mais clientes, ou fidelizar os que tem actualmente.
Procuro empresários que estão a perder a sua qualidade de vida por não terem tempo para nada!
Empresários que não tem férias há muito tempo, nem tem tempo para a família e hobbies. Pessoas que tem dificuldade em gerir o tempo e identificar o importante e estratégico e passam o dia acorrer a trás das urgências, Empresários que gostariam de ser empreendedores e ter liberdade em ter um negócio, em vez de uma prisão para o menter!
Procuro empresários que querem controlar a sua vida em vez de acabarem sendo controlados por esta!
Procuro empresários que compreendem que o segredo não é a alma do negócio.
Há pouco que inventar! Hoje quase tudo é copiado. Ninguém faz nada isolado! O mundo é cada vez mais rápido e o acesso a informação cada vez mais fácil e abundante. Por isso os relacionamentos são muito importantes:
·         primeiro com os clientes, e depois,
·         com e empregados,
A forma como interage com os clientes é que os leva a comprar e a fidelizar
A forma com que gere a sua equipa é que tornas a sua organização ser diferente!
O relacionamento não se copia! É único!
A forma com que gere e se relaciona com a sua equipa é que vai produzir  os resultados que quer dos seus clientes.
1.                         Se é um empresário que se enquadra naquilo que procuro e se tem vontade de mudar e fazer as coisas diferentes para obter resultados diferentes.
2.                                  Se se sente sozinho e não tem ninguém com quem possa partilhar e desenvolver as suas ideias.
3.                          Se sabe que precisa de fazer algo pensando no seu futuro e dos seus e naquilo que quer deixar de legado.
4.                               Se percebe que a ajuda de um especialista em fazer crescer negócios o pode motivar e orientar.
Lembro-lhe que o tempo é na realidade o nosso único recurso escasso.
De certeza que nessa hora levará para si e para o seu negócio pelos menos 5 ideias novas para aplicar imediatamente.
Lembro-lhe que o meu trabalho é treinar empresários a atingir mais facilmente as metas!
Armando Fernandes
Business Coach
934515241
261100003

Perceber como se comportam os clientes!


Confidenciava-me um amigo empreendedor:
–  “ … gostaria de compreender as necessidades dos consumidores dos seus produtos!”
Respondi-lhe da seguinte maneira:
– Um bom empreendedor tem o dever constatar e de tentar compreender as necessidades do consumidor, avaliar as tendências de consumo e antecipar-se em relação à concorrência nas apresentação do s produtos e serviços que satisfaçam essas necessidades.
Acrescentei que, por vezes o empreendedor tem de arriscar mais e tomar a iniciativa de criar essas mesmas necessidades ao consumidor.
         Baseado em experiências que fiz junto de clientes sugeri-lhe um dos métodos que tenho utilizado:
Coloca-te  no “papel” do consumidor e tenta realizar o processo de compra como ele o faz.  Deves representar o  “papel” de consumidor junto de alguns dos teus  concorrentes, para conhecer-mos as suas praticas e deverás acompanhar alguns clientes teus  nos processos de venda realizados pela tua  empresa.
Consegues assim perceber atitudes do Consumidor e recolher informações e aprendizagens que te iro ajudar a preparar e melhorar a Tua oferta.   
        Aconselho quase sempre os meus clientes a tomarem este tipo de atitude, sugiro também que acompanhem todo processo de compra para terem oportunidade de utilizar os 5 sentidos, porque se efetuarem a  simples observação e/ou audição só usam dois!

Armando Fernandes – Business Coach

Construa o seu Plano para 2016


Tenho ministrado muitas horas de formação em Planeamento, Gestão e Controlo de Projectos.

Destas ações de formação transmiti muitos conhecimentos teóricos recebidos na minha formação e leitura, na minha experiência profissional de mais de 30 anos na Gestão e Planeamento.
Mas há uma verdade insofismável é que também aprendi muito com as experiências partilhadas da parte dos Gestores e Dirigentes, Coordenadores e Técnicos que tem estado presentes nessas formações.

Estamos quase no final do ano 2015 e há que preparar o ano 2016

Por isso solicito-lhe que dedique 3 minutos a ler os seguinte testo e se o mesmo tem sentido para si inscreva-se na workshop “Construa o seu Plano para 2016” que será realizada no dia 20 de Novembro por Armando Fernandes – Business Coach no Ô Hotel Golf Mar, Complexo Turístico do Vimeiro, Torres Vedras.

Se está determinado em melhorar os seus resultados e os da sua empresa, será devera interessante para si!.

Iremos simplesmente falar do seu futuro, do futuro do seu negócio!

Por isso sugiro que não olhe para o seu negócio como quem olha para o espelho retrovisor, porque o passado já passou!

Venha construir o seu futuro. Aprenda a planear! Construa o seu Plano para 2016!

Um Plano é um dos instrumentos de trabalho mais importantes para um empresário que queira efectivamente controlar o seu destino!

Um Plano escrito é um documento com as linhas de orientação estratégica que lhe traça o caminho para onde ele quer ir!

O seu plano para 2016 congregará a missão, visão, crenças, resultados, estratégias, objectivos e tácticas das actividades da empresa. Terá de forma sistematizada uma ferramenta de previsão, antecipação e resolução de problemas.com a informação necessária para a concretização dos seus objectivos.

“Pare, escute e olhe”          

É a sinalética que encontramos nas passagens de nível dos Comboios.

Na vida empresarial e pessoal também temos muitas vezes de parar, escutar para percebermos para onde vai o “comboio” e que rumo devemos seguir.

PARE! Durante 1 dia para fugir da rotina e concentrar-se no que é importante para o seu negócio.
ESCUTE! Venha tomar conhecimento da visão do Business Coach – Armando Fernandes
OLHE! Visualize o seu futuro e da sua empresa e estabeleça o seu rumo.

Reserve na sua agenda a data de 20 de novembtro (das 9h às 18h)

Esta jornada será estimulante e catalizá-lo-á na construção do futuro do seu negócio.
“Sem um plano, o que é fácil torna-se difícil; com um plano, o difícil torna- se fácil” (Fonte: “Pensamento rabínico”).

O Plano para 2016 é uma ferramenta extremamente útil para ajudar cada empresário a gerir de forma objectiva e sistematizada o crescimento do seu negócio e a monitorizar a implementação das estratégias para alcançar o sucesso, elaborando um plano de uma forma entusiástica, eficaz e divertida!

Venha trabalhar o seu Plano para 2016.

CONDIÇÕES DE PARTICIPAÇÃO, POR EMPRESA: 
1º Participante: 150,00 €
2º Participante e seguintes desconto de 25%

INSCRIÇÕES: 
Por email para: armando.fernandes@personal-business-coach.pt
Por telefone para: 261 100 003 ou para 934 515 241

Pagamento: por transferência bancária ou cheque para Armando Jorge Vieira Fernandes para o seguinte:
NIB:Banco Santander-Totta 0018 0000 11615266301 70

Atendimento e reclamações!


Quando compro um produto ou serviço, tenho como objectivo suprir uma necessidade ou satisfazer algum capricho, por vezes, ainda que poucas compro uma chatice!

Constacto que a maioria das pessoas não reclamam e quando reclamam por telefone como eu, para o “número de atendimento ao consumidor” somos confrontados com sistemas automáticos de atendimento que nos fazem imensas perguntas inuteis e nós queremos é falar com alguém para apresentar as nossas razões.
Estudos sobre a insatisfação do cliente mostram que cerca de 25% dos clientes ficam insatisfeitos pelas suas compras e que menos de 5% se quiexam. Os utros 95% sentem que não vale a pena o esforço de reclamar, ou então não sabem como reclamar.
Também são indicados nesses estudos que 50% dos que reclamam obtéem uma resolução satisfatória do problema.
Parece-me no entanto que os responsáveis e proprietários de muitas empresas, e algumas muito grandes, não se preocupam com os clientes e suas opiniões.
Pois entendem que uma reclamação é uma enorme chatice e perda de tempo!
Parece-me também que uma reclamação é exactamente o contrário! É a real oportunidade para donos das empresas mostrarem como se preocupam com os seus clientes, pois irão trabalhar as emoções dos clientes, podendo fácilmente converter o conflito num processo de fidelização.
Porque 95% dos clientes insatisfeitos, que não reclamam, tomam a atitude de não comprar, e de 50 a 70% dos que reclamam voltam a comprar desde que a situação seja resolvida.
Outro dado interressante é que um clientes satisfeito partilha em média a sua experiência com 3 pessoas enquanto um cliente insatisfeito indica a sua insatifiação a 11 pessoas
Caro empresário pense sériamente na forma em que trata as reclamações dos seus clientes!



Sr. Empresário: trabalhe estes conselhos, se tiver necessidade de falar e esclarecer algum conceito inscreva-se numa sessão de coaching, numa das próximas quintas-feiras. Terei muito gosto em esclarecê-lo e ajudá-lo!

Armando Fernandes
Business Coach / Consultor de Negócios

Como transformar uma reclamação de um cliente num processo de fidelização


Todos temos dificuldade em aceitar críticas, apesar de afirmarmos muitas vezes que estamos dispostos a ouvi-las com o objectivo de nos corrigirmos.

De facto todos gostamos é de elogios. São o alimento do nosso Ego e com eles dificilmente conseguimos melhorar o que quer que seja.

No entanto é com os erros e a críticas que nós conseguimos crescer e melhorar.

Na nossa vida pessoal e profissional devemos promover processos de analise critica ao nosso desempenho, pois assim podemos promover mudanças para melhorar o nosso desempenho.

As empresas perceberam que o cliente é a razão da sua existência e sobrevivência e por isso criaram os Serviços de Atendimento ao Cliente.  No entanto a maioria não está preparada para receber criticas e reclamações.

Por isso é importante que os dirigentes das empresas entendam que o processo de reclamações os ajudará a melhorar os serviços prestados e fidelizar clientes.

As reclamações têm uma grande importância nas relações entre os clientes e empresa, porque só através delas é que se consegue perceber o que há que melhorar.

É através das reclamações que a empresa fica consciente dos erros, e assim pode promover a sua correcção rápida com eficácia.

Por outro lado o cliente quando reclama está a fornecer informação valiosa, dando a chance de melhorar os serviços prestados.

Se esta chance não for desperdiçada, temos de certeza um cliente mais satisfeito e fidelizado. Por outro lado com a lição recebida temos todas as condições para impedir a concretização desse erro.

A realidade é muito dura pois a maioria dos clientes insatisfeitos não reclama, permanecem calados, e procuram outros fornecedores.

Portanto, as reclamações dos clientes devem ser encaradas com naturalidade e sempre bem recebidas, além de investigadas a fundo.


Armando Fernandes
Business Coach